• Clinere

Cirurgia bariátrica e Covid-19




A medicina têm procurado, incansavelmente, entender melhor a Covid-19 e os motivos que levam o vírus a se manifestar mais severamente em alguns pacientes do que em outros. A idade já foi constatada como um dos fatores mais importantes para decidir o risco de mortalidade em pacientes, mas agora a obesidade também foi identificada. E  pacientes que eram obesos no passado e foram submetidos a cirurgia bariátrica tem maior risco de complicações ? 

Aqueles pacientes que já passaram pela cirurgia bariátrica e perderam peso significativamente não pertencem ao grupo de risco. Esses pacientes deixaram de ser obesos e, na sua maioria , resolveram as doenças associadas como diabetes e hipertensão, por conta da cirurgia, e tem risco igual ao da população saudável. Sua respiração, sistema fisiológico e metabolismo estão melhores do que se estivesse ainda com a obesidade. Sendo assim, os cuidados direcionados a estes pacientes bariátricos devem ser os mesmos sugeridos a população geral – a não ser os pacientes idosos que, assim como os demais, devem redobrar os cuidados por pertencerem ao grupo de risco para complicações na Covid-19.

Entretanto, um dos maiores problemas com a cirurgia  é que o uso de suplementos de vitaminas e minerais é necessário com frequência, porém nem sempre realizado adequadamente. Assim, há evidências que deficiências nutricionais moderadas podem sim influenciar negativamente em nosso sistema imune.  Portanto, é importante que o paciente avalie a sua reposição vitamínica e faça uma consulta de revisão.Importante lembrar que muitos médicos estão fazendo as consultas por vídeo a distância ( telemedicina ).  Exames de sangue são feitos em intervalos regulares e incluem o monitoramento dos níveis de vitaminas e minerais tais como cálcio, vitamina D, vitamina B12 , ferro e zinco para acompanhar as possíveis reposições destes elementos. Além disso, é extremamente importante que o paciente mantenha hábitos de vida saudáveis, que incluem o controle da alimentação  e a  prática de exercícios físicos regularmente, neste período de pandemia principalmente. Importante se encorajar pois este  é o momento para se revitalizar e ganhar força para enfrentar a COVID-19.

Dra Tatiana Denck Gonçalves - Endocrinologista - CREMESP 127.265


0 visualização

Rua Frei Caneca, 558, conjunto 1703,

C0nsolação, São Paulo - SP,

CEP 01307-000

Tel :   011 - 2597- 7181

           011 - 93235-9479

  • Instagram
  • Facebook ícone social

Agendamento de Consultas : Segunda à Sexta a partir das 8hrs . Atendimentos aos sábados pela manhã